Artigos

2018 – Um ano interminável…Feliz 2020!

2018 – Um ano interminável…Feliz 2020!

O sentimento que emerge em todos os cantos, é um só : 2018 – é um ano interminável.

Não há uma só  pessoa dos meus contatos, que não usa esta expressão … “vai chegar 2020 , mas 2019 não chega “.

O sentimento para 2019, é que teremos que reconstruir um país, após um final de uma Grande Guerra, com escombros para todo lado.

O sentimento que emerge em todos os cantos, é um só : 2018 – é um ano interminável.

 

Ocorre que no final de uma Grande Guerra … sente-se a tropa inimiga no chão, mas  com armistício assinado.

Porém no nosso caso, o inimigo “mora “ dentro do Brasil … e ao invés de assinar armistício, quer incendiar o país.

Por isso que estamos pensando mais na virada de 2019 para 2020, pois este próximo 31 de dezembro, pouco ou nada, celebraremos.

Pergunto ao nosso leitor, que por vezes acompanha o Portal  SustentaHabilidade  ou esta página nas Redes, quantas luzes de natal existe na sua rua? 50% das casas ? 25% ? 5% ?

E como foi no ano anterior?

São Paulo, podemos dizer que sofreu nos últimos anos um “black out de Natal” , ficando as escuras.

Neste 2018, vi empresário, chorar literalmente, com lágrimas correndo pelos olhos em seus escritório, dizendo “ me ajude, por favor, depois te pago” …  como cobrar os contratos de pessoas que querem pagar, mas a conta está negativa, em mais um ano?

Interessante perceber que na verdade, o ano de 2018 , carrega portanto a “culpa” de anos de desgraça econômica que alcançou o país como um todo.

E ironicamente 2018, não foi pior que 2017, e até que em muitos segmentos, mostrou-se melhor. Mas a desgraça que se abateu no país, por esta gang instalada no poder, tornou-o pífio diante do MAIOR DESASTRE ECONÔMICO DA HISTÓRIA DO BRASIL.

Só para ficar num exemplo simples, o Brasil perdeu entre 2009 e 2015, a enormidade de R$ 1 trilhão de reais, caso tivesse crescido 5% ao ano, tarefa simples para um país “BRICS”.

Portanto este Reveillon, assim como no Natal, poucas celebrações são aguardadas, pois há um sinal de “hiato temporal”,  uma espécie de  “ buraco no tempo” ou ainda “ vazio existencial” , como se a improdutividade econômica, entrasse fundo na alma das pessoas, deprimindo-as de tal forma que sentem-se improdutivas como seres humanos.

E o mais incrível, é que ao iniciarmos o século XXI, o sentimento era justamente inverso, pois a estabilidade econômica do Plano Real, após décadas de inflação venezuelana, enchia nossa alma de esperança.

Mas os falsários da “economia da verdade”, preferiram criar a “comissão da verdade” para julgar os anos 60 e 70, numa clara postura de olhar 40 anos para trás, ao invés de 5 ou 6 para frente, no campo econômico.

Preferiram “investir” US$ 1 bilhão de dólares, numa única obra em Cuba (Porto Mariel) ao invés de eliminar a seca no Nordeste, que agora criticam, ou fingem que está resolvida, numa “comissão da verdade” às avessas.

Sendo assim,  para” disfarçar” aquilo que sabiam que estava acontecendo, mas teimavam em varrer para debaixo do tapete, utilizaram o marketing político, com frases FALSAS E IDIOTAS, tipo “nunca antes nesse país” ou ainda, “herança maldita”.

Portanto cabe-nos agora procurar recolher os cacos de vidro, pois AGORA, de fato,   a “herança maldita” chegou e  é imensurável.

Dizemos agora com profunda dor na alma ….“ nunca antes nesse país” , vimos um  país tão destruído.

Não tenham grandes ilusões econômicas com 2019, segundo Mailson da Nóbrega, provavelmente o Brasil crescerá 3%, se nenhuma desgraça acontecer, ou facada, ou ladroagem nova, aparecer ….

Talvez o que de melhor nos aguarda, é que a esperança lentamente começa a retornar para nossa alma, mas com extrema desconfiança, pois não sentimos ainda  se ela virá para ficar.

E que o próximo Final de Ano ( virada de 2019 para 2020) seja pleno de realizações para todos … então aqui desejo FELIZ 2020, pois 2019 o bicho ainda vai pegar !

Texto: Roberto Mangraviti
contato@sustentahabilidade.com

Outro texto do Autor:

Prostitutas de BH dando aula de economia e sobre tarifas de energia

Artigos

Economista e Facility Manager em Sustentabilidade. Editor, diretor e apresentador do Programa Sustentahabilidade pela WEBTV. Palestrante, Moderador de Seminários Internacionais de Eficiência Energética, Consultor da ADASP- Associação dos Distribuidores e Atacadistas do Estado de São Paulo e colunista do site do Instituto de Engenharia de São Paulo.

Mais em Artigos

Reconhecimento facial para trabalhadores no campo contra o coronavirus

Roberto Mangraviti21 de maio de 2020
Nanotecnologia e o Agronegocio

Nanotecnologia e o Agronegócio

Camila Gagliardi18 de maio de 2020
Benefícios do Abacaxi

Benefícios do Abacaxi

Dr Leo Kahn18 de maio de 2020
Imunidade Alimentos Saudaveis

Imunidade: alimentação com ingredientes naturais

Bel Gimenez15 de maio de 2020
Vinho dos Mortos

Vinho dos Mortos

Bel Gimenez14 de maio de 2020
Ventilador Pulmonar - Covid-19

Ventiladores pulmonares inteligentes desenvolvidos em MG

Roberto Mangraviti12 de maio de 2020
Como cuidar dos pets diante do isolamento social?

Como cuidar dos pets diante do isolamento social?

Roberto Mangraviti11 de maio de 2020
Max Pianura

Max Pianura – Live beneficente deste domingo

Bel Gimenez8 de maio de 2020
Agronegócio - Trator Cor de Rosa

Presença feminina no agronegócio

Bel Gimenez4 de maio de 2020

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Sustentahabilidade - Todos os direitos reservados.
Os artigos publicados neste Portal, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. Para mais informações: contato@sustentahabilidade.com

Outros emails específicos: classificados@sustentahabilidade.com dependenciaquimica@sustentahabilidade.com