Artigos

“Arena Palmeiras ” e o desrespeito publicitário com naming rights

“Arena Palmeiras ” e o desrespeito publicitário com naming rights

As Organizações Globo, assim como outras empresas jornalísticas continuam desrespeitando princípios essenciais da comunicação.

A Sociedade Esportiva Palmeiras, reconstruiu recentemente um novo estádio de futebol.

A demolição do antigo “Palestra Itália”, e a construção de uma moderna arena, fez parte de uma engenharia financeira, onde o Naming Rights (*)  foi negociado com a Allianz Seguros que batizou a casa de espetáculos de Allianz Parque.

Esta ação de marketing, custou para seguradora cerca de R$ 300 milhões, valor calculado seguindo o princípio das citações do nome “Allianz” em transmissões esportivas de rádio e TV e  inserções em matérias jornalísticas impressas e via web.

Contudo os programas esportivos, na Globo e no Sport TV

(diversos por sinal), comentaristas e locutores, rarissimamente  citam a palavra “Allianz”, certamente  orientados pela direção.

Ironicamente, o conteúdo jornalístico destes programas, invariavelmente citam a falta de profissionalismo dos clubes, dirigentes, árbitros , jogadores, etc… mas pecam grosseiramente com uma pratica de falso profissionalismo .

E esta “primazia” de ocultar a palavra “Allianz” avança pelos meios de comunicação, como uma pratica normal.

O site Terra também se utiliza desta mesma falta de profissionalismo (vide print screen abaixo).

Arena Palmeiras

Imagine se chamássemos a atual Rede TV de TV Manchete, afinal ela ocupa a mesma faixa de transmissão da antiga concessão da família Block ?

Ou a TV Globo de TV Paulista ? E o SBT de TV Tupi?

O mais estranho, é que as entidades jornalísticas que regulam as atividades dos profissionais desta área, como a Associação Brasileira de Imprensa, acobertam esta atitude lamentável.

Num país onde o jornalismo exerce um papel fundamental para divulgação da malversação dos recursos públicos, a independência jornalística dos profissionais emitindo opiniões isentas é fundamental.

Mas se estes profissionais estão subordinados a estranhas omissões na transmissão de um simples jogo de futebol, o que imaginar sobre o que sabem e pensam sobre o BNDES, Petrobras e Eletrobrás e não contam?

O papel desses profissionais, exercendo a profissão de forma independente dos interesses das emissoras, começa com o respeito publicitário.

Texto: Roberto Mangraviti
contato@sustentahabilidade.com

http://sustentahabilidade.com/setor-de-servicos-cresceu-em-maio/

 

(*)Naming Rights” é a prática da concessão de direitos de nome que empresas donas de algum estabelecimento de espetáculos culturais e/ou esportivos dá o nome para uma marca ou produto.

 

 

Clique para adicionar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Artigos

Economista e Facility Manager em Sustentabilidade. Editor, diretor e apresentador do Programa Sustentahabilidade.com pela WEBTV. Consultor da ADASP- Associação dos Distribuidores e Atacadistas do Estado de São Paulo e colunista do site do Instituto de Engenharia de São Paulo.

Mais em Artigos

Risco Ambiental na Gestão de Resíduos Sólidos

Risco Ambiental na Gestão de Resíduos Sólidos

Roberto Roche12 de dezembro de 2017
São Paulo

Cidade de São Paulo – TODOS são “fumantes”.

Roberto Mangraviti9 de dezembro de 2017
Leite e Qualidade

Leite: qualidade, processamento e as nomenclaturas comerciais.

Convidado8 de dezembro de 2017
Pré-História

Homem … 45 mil anos de impacto ambiental

Ricardo Rose7 de dezembro de 2017
Gestão Ambiental

Gestão Ambiental portuária, Ônus ou Oportunidade?

Roberto Roche5 de dezembro de 2017
equipes

Equipes de Crise Corporativa

Roberto Mangraviti2 de dezembro de 2017
Energia Aeólica

A Cidade de Saerbeck planejou e realizou o futuro.

Roberto Mangraviti1 de dezembro de 2017
Demitir Clientes

Momento(s) de “demitir” um cliente !

Roberto Mangraviti30 de novembro de 2017

A revolução das impressoras 3D: Impressão de pontes de aço

Cristian Reis Westphal29 de novembro de 2017

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Sustentahabilidade - Todos os direitos reservados.
Os artigos publicados neste Portal, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. Para mais informações: contato@sustentahabilidade.com

Outros emails específicos: classificados@sustentahabilidade.com dependenciaquimica@sustentahabilidade.com

Translate »