Artigos

“Caminhabilidade” nosso problema urbano

“Caminhabilidade” nosso problema urbano

Este termo estranho não é de Tite, mas uma tradução de “walkability”, que significa o quanto determinado espaço é convidativo para o deslocamento de pedestres.

No Brasil, isto é pouco ou nada levado em conta, considerando que a manutenção das calçadas, em geral, é de responsabilidade dos proprietários de imóveis, tanto comerciais como residenciais.

Em São Paulo, especificamente, uma lei específica foi sancionada em 2013, mas “não pegou”, que estabelece determinados padrões ( de acabamento) que devem ser utilizados. O Centro de Tecnologia de Edificações, em recente avaliação na Zona Leste da cidade, numa pequena amostra, detectou 59 padrões diferentes num único quarteirão.

Compete a s prefeituras de todos os municípios, planejar minimamente, educando seus cidadãos para “caminhabilidade” , cooperando com sinalização adequada para travessia, rampas para cadeirantes e carrinhos de bêbe , incentivando assim a redução da utilização de veículos emissores de CO2.

Texto: Roberto Mangraviti
contato@sustentahabilidade.com

Imagens http://www.evanstonlivability.org/walkability/

Caminho2

Clique para adicionar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Artigos

Economista e Facility Manager em Sustentabilidade. Editor, diretor e apresentador do Programa Sustentahabilidade.com pela WEBTV. Consultor da ADASP- Associação dos Distribuidores e Atacadistas do Estado de São Paulo e colunista do site do Instituto de Engenharia de São Paulo.

Mais em Artigos

São Paulo

Cidade de São Paulo – TODOS são “fumantes”.

Roberto Mangraviti9 de dezembro de 2017
Leite e Qualidade

Leite: qualidade, processamento e as nomenclaturas comerciais.

Convidado8 de dezembro de 2017
Pré-História

Homem … 45 mil anos de impacto ambiental

Ricardo Rose7 de dezembro de 2017
Gestão Ambiental

Gestão Ambiental portuária, Ônus ou Oportunidade?

Roberto Roche5 de dezembro de 2017
equipes

Equipes de Crise Corporativa

Roberto Mangraviti2 de dezembro de 2017
Energia Aeólica

A Cidade de Saerbeck planejou e realizou o futuro.

Roberto Mangraviti1 de dezembro de 2017
Demitir Clientes

Momento(s) de “demitir” um cliente !

Roberto Mangraviti30 de novembro de 2017

A revolução das impressoras 3D: Impressão de pontes de aço

Cristian Reis Westphal29 de novembro de 2017
Gestão Hospitalar

A moderna gestão hospitalar e a questão ambiental.

Roberto Roche27 de novembro de 2017

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Sustentahabilidade - Todos os direitos reservados.
Os artigos publicados neste Portal, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. Para mais informações: contato@sustentahabilidade.com

Outros emails específicos: classificados@sustentahabilidade.com dependenciaquimica@sustentahabilidade.com

Translate »