5 Minutos Entrevista

Entrevista Marcoz Gomez

Entrevista Marcoz Gomez

1. O  filme   “ O Abajour”  , escrito e dirigido por você, contou com atores e técnicos que trabalharam voluntariamente. De que maneira  esta ação voluntária contribuiu para o sucesso desta empreitada ?
A Idéia inicial foi pensar nos atores que eu conhecia e que buscavam uma oportunidade no cinema. Eu queria que eles tivessem um trabalho de verdade para apresentar aos produtores de TV e cinema. Um trabalho que se orgulhassem.
Desde o inicio busquei a união da equipe, pois eu acreditava que só dessa forma conseguiríamos chegar até o fim das filmagens, pois quando não existe dinheiro envolvido fica bem mais difícil cobrar e qualquer desgaste pessoal poderia atrapalhar o processo. Então, criei uma forma através de e-mails onde todos se elogiavam e se motivavam diariamente e acredito que fomos até o final graças a essa cumplicidade de todos e o sucesso acabou sendo uma consequência.
2. Você é carioca e fez um filme sobre violência na sua cidade, sem mostrá-la cruamente, na contra mão da tendência. Porque ?
Minha Ideia sempre foi focada no drama de jovens da classe media alta que acabam escolhendo o caminho do crime por acharem que o dinheiro vem mais fácil. Quis mostrar que esses jovens não são tão diferente daqueles que moram na favela. Quando uma noticia é impressa dizendo que um adolescente que vive na comunidade assaltou, foi preso vendendo drogas ou matou alguém,dizemos logo que ele não tem berço, não tem educação e pra ser inserido na sociedade ele precisa ter uma base familiar.
Eu pergunto “E os jovens de classe media alta que nasceram com essa base familiar e cometem os mesmos crimes? Qual o problema deles? O que fazer para inseri-los na sociedade?”
3. Ben Affleck afirmou “ se a história é boa, ela vende ingressos” , você acredita  que o cinema pode  focar a responsabilidade social sem abrir mão do  aspecto comercial ?
Vejo o cinema com muito potencial para tudo e principalmente para mostrar cada vez mais esse lado social que tanto precisamos ver. Para mim se a história  é boa, as pessoas gostam e se gostam é comercial. Não importa se é comédia, ação ou drama. Cinema é entretenimento e tem um poder muito grande de nos fazer pensar. E pensar já é meio caminho andado.
4.  As Leis de Incentivos  , não deveriam estar direcionadas às produções independentes por estarem mais próximo de interesses culturais ? 
Sinceramente não gosto muito de criticar as Leis de Incentivos, pois não tenho um conhecimento amplo sobre elas, mas é lógico que por questões estruturais uma produtora grande sempre levará vantagem sobre uma menor. Acho que poderiam simplificar as leis, tornar menos burocráticas para que todos tenham o mesmo acesso.
5. Qual seu próximo trabalho ?
Estou iniciando a produçao do  longa-metragem “QUERIA QUE VOCÊ ESTIVESSE AQUI”. Com Alex Reis e Fiorella Mattheis. Uma Comédia Romântica que daremos inicio as filmagens em 2013.

Clique para adicionar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

5 Minutos Entrevista

Economista e Facility Manager em Sustentabilidade. Editor, diretor e apresentador do Programa Sustentahabilidade.com pela WEBTV. Consultor da ADASP- Associação dos Distribuidores e Atacadistas do Estado de São Paulo e colunista do site do Instituto de Engenharia de São Paulo.

Mais em 5 Minutos Entrevista

5’ Minutos Entrevista – Robson Miguel.

5’ Minutos Entrevista – Robson Miguel.

Roberto Mangraviti16 de julho de 2017

EXCLUSIVO – Petrônio Côrrea Filho, responsável pelo lançamento da marca Senna

Roberto Mangraviti1 de maio de 2017

Brasil produzindo azeite de qualidade

Roberto Mangraviti12 de janeiro de 2017

Música Flamenca em São Paulo

Roberto Mangraviti24 de maio de 2016

Bruno Mansini: Reverenciado por Jon Anderson (ex-Yes)

Roberto Mangraviti13 de março de 2016

Entrevista exclusiva com a cantora Manu Santos

Bel Gimenez11 de março de 2016

Mediação na Saúde

Roberto Mangraviti21 de janeiro de 2016

5.a Edição do Benchmarking Jr

Roberto Mangraviti15 de janeiro de 2016

Mesa Radiônica Quântica e nossa mente

Roberto Mangraviti1 de dezembro de 2015

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Sustentahabilidade - Todos os direitos reservados.
Os artigos publicados neste Portal, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. Para mais informações: contato@sustentahabilidade.com

Outros emails específicos: classificados@sustentahabilidade.com dependenciaquimica@sustentahabilidade.com

Translate »