Artigos

Haja Coração –“Sassaricando” no Século XXI

Haja Coração –“Sassaricando” no Século XXI

No último dia 31 de maio, a Rede Globo de Televisão estreou sua nova Novela das Sete, intitulada “Haja Coração”.

Trata-se de uma criação televisiva inspirada na Novela Sassaricando, de autoria de Silvio de Abreu , com direção de Cecil Thiré, que teve longa duração, mais de oito meses, estreando em 09 de novembro de 1987, após o Grande Sucesso de Brega e Chique, de autoria do Pioneiro Cassiano Gabus Mendes.

Haja Coração, escrita por Daniel Ortiz e dirigida por Fred Mayrink, se baseia no original de Silvio de Abreu, que consiste numa trama passada na Cidade de São Paulo, no clássico conflito entre uma Família rica, os Abdala e uma Família pobre, os Di Marino .

Os Abdala tem por patriarca Aparício Varella, interpretado por Paulo Autran em 1987 e por Alexandre Borges na versão atual, pai de Fedora (Cristina Pereira e atualmente Tata Werneck) e marido de Teodora (Jandira Martini primeiro e Grace Gianoukas hoje) . Teodora morre, num estanho acidente aéreo e deixa além deles, duas irmãs Lucrécia (Maria Alice Vergueiro e Claudia Jimenez na atual novela) e Fabiola ((Ileana Kwasinski) . Sua filha Fedora casa-se com Leonardo (antes Diogo Vilela e hoje Gabriel Godoy )

Do lado humilde, a matriarca Aldonza , vivida por Lolita Rodrigues, na versão atualizada, se transforma em Francesca Di Marino, interpretada por Marisa Orth. Seu marido Ricardo (Carlos Zara antes e agora Werner Schünemann) abandona abruptamente a família e ela passa a ter que criar seus quatros filhos : Tancinha (antes Claudia Raia e hoje Mariana Ximenes), Jorge (antes Edson Celulari e hoje Jayme Matarazzo) , Isabel (antes Angelina Muniz e hoje Chandelle Braz) e Juana (antes Denise Milfont e hoje Sabrina Petraglia)

O milionário Aparício Varela, agora viúvo , pode se divertir, “sassaricar”, com as suas inseparáveis amigas: a Estilista Rebeca (vivida por Tônia Carrero e agora por Malu Mader), a Atriz Leonora (vivida por Irene Ravache e agora por Ellen Rocche) e a Dona de Casa Penepole (vivida por Eva Wilma e agora por Carolina Ferraz) . Mas Aparico, é o alvo de Francesca, que tem certeza que ele é o grande responsável pelo desaparecimento de Ricardo Di Marino.

E nesse caldo de humor, romance, mistério e luxo,outros personagens também se destacam nesta interface de suas tramas : o irmão de Aparício, Aprigio, interpretado por Laerte Morrone, renasce como Agilson, na “pele” de Marcelo Médici. O namorado atlético de Tancinha, Apolo, primeiro Alexandre Frota e agora é interpretado por Malvino Salvador e seu irmão Adonis, antes Romulo Arantes e agora Jose Loreto. Mas Beto, publicitário, filho de Penélope, também disputa o amor de Tancinha .E em 1987 ele era Marcos Frota e hoje é João Baldasserini .Também se destaca a Filha de Lucrecia e Agilson, no original vivida por Maite Proença e agora por Agatha Moreira.

Essa é uma pequena síntese de Haja Coração, a Sassaricando do Século XXI, que nestes dois meses no ar já está trazendo risos, suspense e beleza ao tradicional horário das sete na TV Brasileira. ”

Autor: Fabio Rajaili Siqueira
contato@sustentahabilidade.com

 

Clique para adicionar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Artigos

Bacharel em Direito, Bacharel em Ciências Sociais e e pesquisador da história da televisão brasileira. É um dos fundadores do Jornal São Paulo em História.

Mais em Artigos

Motivação

Teoria da Motivação de McClelland(2)

Roberto Mangraviti17 de novembro de 2017
Infraestrutura

Infraestrutura no Brasil – Concessionárias as únicas com bons resultados( Parte 3)

Roberto Mangraviti16 de novembro de 2017
Gestão Ambiental Portuária

Gestão Ambiental portuária, Ônus ou Oportunidade?

Roberto Roche14 de novembro de 2017

Motivação na ótica de Maslow

Roberto Mangraviti13 de novembro de 2017
Adam Smith

Lições para o Brasil – Adam Smith

Roberto Mangraviti12 de novembro de 2017
Animal Pré-histórico

Animais que “deram as caras” depois da extinção dos dinossauros

Karen P Castillioni11 de novembro de 2017
quando o medicamento vira droga

Quando o analgésico mata

Dependência Química9 de novembro de 2017

Infraestrutura – Brasil no descompasso internacional (2)

Roberto Mangraviti8 de novembro de 2017
Políticos Ranking

Dica de Hoje: site faz “Ranking” de políticos.

Roberto Mangraviti7 de novembro de 2017

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Sustentahabilidade - Todos os direitos reservados.
Os artigos publicados neste Portal, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. Para mais informações: contato@sustentahabilidade.com

Outros emails específicos: classificados@sustentahabilidade.com dependenciaquimica@sustentahabilidade.com

Translate »