Artigos

O Fígado…Cistos hepáticos

O Fígado…Cistos hepáticos

A maior glândula do corpo humano encontra-se alojada no hipocôndrio direito, tem atividade endócrina e exócrina, é muito vascularizada e chamada de Fígado.

O cisto do fígado, também conhecido como hepático é uma estrutura sacular, de 0,2 a 20 cm de diâmetro, sendo 2,0 cm o mais comum, podendo conter substancia liquida no seu interior.

Essa patologia é mais frequente no sexo masculino a partir da quarta década de vida, mas quando presentes nas mulheres são mais sintomáticos.

Geralmente tem caráter benigno, não representando sinais de neoplasias, mas quando aumenta de tamanho é considerado perigoso.

Classificados como:

  • Simples – conhecidos como hemangiomas, possui menos de 5,0 cm, dificilmente provoca sintomas.  
  • Hidático – Cistos parasitários que provocam nodulações hepáticas e geralmente necessitam de intervenções cirúrgicas.
  • Neoplásico – Cisto tumoral, mais raro, de maior tamanho e geralmente de pior prognóstico. 

Fatores de risco:

  • Doenças genéticas.
  • Excesso de medicamentos.
  • Fibrose hepática.
  • Doença hepática policística.
  • Tumor de fígado.
  • Infecção parasitária.

Sinais e Sintomas:

  • Obstrução das vias biliares
  • Icterícia.
  • Perda de peso.
  • Dor abdominal.
  • Cansaço excessivo.
  • Inchaço abdominal superior.
  • Náuseas.
  • Problemas digestivos.
  • Aumento do fígado.
  • Febre.
  • Urina escura.

O diagnóstico é realizado pelo histórico do paciente, acompanhado de exame físico, laboratoriais e de imagem como ultrassonografia, tomografia, ressonância magnética ou até mesmo por biopsia transcutânea. 

SAIBA MAIS:

É comum que um indivíduo tenha mais de um cisto hepático.

Múltiplos cistos são raros.

Geralmente são assintomáticos.

Quando maior de 7,0 cm, ou se há sangramento podem causar sintomas e ocorrem em cerca de 5% dos casos.

Pode exercer pressão nos vasos e veias do aparelho digestivo.

O sangramento é caracterizado por dor súbita no abdômen superior direito.

O cisto hidático é causado pela fase larval do verme Echinococcus granulosus que parasita o intestino do cão e outros animais.

A contaminação ocorre pela ingestão dos ovos do verme através da água, alimentos ou pelo contato direto com os animais portadores.

Hemangiomas são pequenos tumores benignos formados por vasos sanguíneos enovelados.

Os neoplásicos são extremamente raros e mais comuns em mulheres jovens.

Podem ser benignos (Cistoadenoma hepático ou biliar) ou malignos (cistoadenocarcinoma hepático ou biliar).

A Doença de Caroli é rara e genética, na maioria dos casos autossômica recessiva.

Geralmente diagnosticada na primeira década de vida, ocorre uma dilatação dos dutos biliares dentro do fígado formando cistos.

Cuidado com medicamentos para enxaquecas e anti-inflamatórios em excesso.

Procure um médico hepatologista

Clique para adicionar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos

Dr.Leo Kahn é médico atuante nas áreas de Endocrinologia e obesidade, foi diretor e coordenador clínico de instituições médicas, palestrante e conferencista internacional. Atua como consultor médico em vários programas de rádio e TV. Coach de Saúde de Performance e atuante em Medicina Preventiva e de Resultados.

Mais em Artigos

Visão 360⁰ do mercado e da pessoa com deficiência

Roberto Mangraviti17 de junho de 2019
Paulo Azevedo

Paulo Azevedo no Brasil

Roberto Mangraviti16 de junho de 2019
Minuto ODS

Vídeo Minuto ODS 5 – Igualdade de Gênero

Bel Gimenez14 de junho de 2019
Teste do Pézinho

Encontro de Negócios das Novas Tecnologias da Saúde

Bel Gimenez11 de junho de 2019
Carboidratos

Carboidratos

Dr Leo Kahn10 de junho de 2019
Minuto ODS

Vídeo Minuto ODS 4 – Educação de Qualidade

Bel Gimenez8 de junho de 2019
Creche Elza Galvão

Financiamento coletivo para recuperar Creche Elza Galvão incendiada.

Roberto Mangraviti6 de junho de 2019
Dia do Meio Ambiente

Dia do Meio Ambiente

Roberto Mangraviti5 de junho de 2019
Distensão Abdominal

Distensão abdominal

Dr Leo Kahn4 de junho de 2019

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Sustentahabilidade - Todos os direitos reservados.
Os artigos publicados neste Portal, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. Para mais informações: contato@sustentahabilidade.com

Outros emails específicos: classificados@sustentahabilidade.com dependenciaquimica@sustentahabilidade.com

Translate »