Artigos

O Povo na TV-Polêmicas na Telinha

O Povo na TV-Polêmicas na Telinha

Wilton Tupinambá Franco, fluminense de Santo Antonio de Pádua, quando se perfilou entre os fundadores do SBT, canal 4 de São Paulo, em 19 de agosto de 1981, já contabilizava mais de vinte e cinco anos ininterruptos de importantes trabalhos no Rádio e na Televisão Brasileira (como na TV Excelsior-Os Adoráveis Trapalhões, na TV Rio-Noites Cariocas, na TV Globo- Moacyr TV e na TV Tupi-Programa Flávio Cavalcante)

Mesmo nos anos finais da TV Tupi, Wilton dirigiu o audacioso Programa Aqui e Agora (entre 1978 e 1980), um misto de Jornalismo com Programa de Auditório , onde vários apresentadores se destacavam :Fernando Leite Mendes, Carlos Rosemberg e Ana Davis.

Em 1980 , Aqui e Agora muda de emissora, passando a ser exibido pela TVS, canal 11 do Rio de Janeiro e retransmitido pela TV Record, canal 7 de São Paulo. Nascia então, O Povo na TV, que fazendo jus ao próprio título e a obrigatoriedade de ser feito ao vivo era o canal imediato de expressão dos problemas mais variados do povo. E os jornalistas que representavam, além da emissora de Silvio Santos, também veículos da imprensa escrita (jornais e revistas), interagiam, debatiam, protestavam, polemizavam frente aos dramas cotidianos de um pais em séria crise sócio-política-econômica.

Quando da concessão do Canal 4, para finalmente a TVS chegar a São Paulo, na sua integralidade, em agosto de 1981, O Povo na TV está programado desde este primeiro dia e durante longas quatro horas e meia, ao vivo, no ar, já com novos apresentadores Sergio Mallandro, Cristina Rocha, Roberto Jefferson, Jose Cunha e eventualmente Wagner Montes. E sempre sob a batuta experiente e inovadora de Wilton Franco, que impreterivelmente, as seis da tarde, rezava a prece da Ave Maria, resgatando uma tradição do rádio brasileiro (como faziam, em décadas passadas Julio Louzada no Rio de Janeiro e Pedro Geraldo Costa em São Paulo)

O tempo passa, a audiência do O Povo na TV cresce e as polemicas, mais ainda. A morte de um bebe, ao vivo, no palco em 1982, em razão da omissão de socorro dos poderes públicos da área da Saúde e o caso do “vidente “ Lemgruber, em 1983, preso por charlatanismo e curandeirismo, juntamente com Wilton Franco, após a participação neste Programa, precipitaram o fim do mesmo, no ano seguinte, já premiado com um Troféu Imprensa e amado e odiado pela critica e pelo público.

Mas a influencia do O Povo na TV, passados mais de trinta anos de seu fim continua. Programas como Aqui Agora (1991), Cadeia Nacional (1992) e 190 Urgente (1996) e mesmo os atuais programas policiais vespertinos guardam a influencia de um dos mais marcantes programas da TV do Brasil, criado pelo notável e inesquecível Diretor, Produtor e Apresentador Wilton Franco (1930-2012).

Foto: http://noticiasdatv.uol.com.br/noticia/televisao/um-ano-apos-estreia-sbt-ameacava-globo-com-programas-popularescos-5543

Autor: Fabio Rejaili Siqueira
contato@sustentahabilidade.com

Clique para adicionar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Artigos

Bacharel em Direito, Bacharel em Ciências Sociais e e pesquisador da história da televisão brasileira. É um dos fundadores do Jornal São Paulo em História.

Mais em Artigos

São Paulo

Cidade de São Paulo – TODOS são “fumantes”.

Roberto Mangraviti9 de dezembro de 2017
Leite e Qualidade

Leite: qualidade, processamento e as nomenclaturas comerciais.

Convidado8 de dezembro de 2017
Pré-História

Homem … 45 mil anos de impacto ambiental

Ricardo Rose7 de dezembro de 2017
Gestão Ambiental

Gestão Ambiental portuária, Ônus ou Oportunidade?

Roberto Roche5 de dezembro de 2017
equipes

Equipes de Crise Corporativa

Roberto Mangraviti2 de dezembro de 2017
Energia Aeólica

A Cidade de Saerbeck planejou e realizou o futuro.

Roberto Mangraviti1 de dezembro de 2017
Demitir Clientes

Momento(s) de “demitir” um cliente !

Roberto Mangraviti30 de novembro de 2017

A revolução das impressoras 3D: Impressão de pontes de aço

Cristian Reis Westphal29 de novembro de 2017
Gestão Hospitalar

A moderna gestão hospitalar e a questão ambiental.

Roberto Roche27 de novembro de 2017

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Sustentahabilidade - Todos os direitos reservados.
Os artigos publicados neste Portal, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. Para mais informações: contato@sustentahabilidade.com

Outros emails específicos: classificados@sustentahabilidade.com dependenciaquimica@sustentahabilidade.com

Translate »