Artigos

O que significa diversidade ?

O que significa diversidade ?

Há um bom tempo que o mundo não é mais o mesmo … felizmente !

O ceticismo cede lugar para a diversidade, e já se faz tarde. Estranhamente, o ceticismo sempre foi mais forte que o pragmatismo. Estranhamento pois, pragmatismo, que significa a “filosofia de resultados”, deveria silenciar o ceticismo.

Os exemplos incontáveis de terapias tidas como “alternativas “ que apresentam resultados indiscutíveis estão por toda parte. O que faria  Oprah Winfrey ou Paul Simon (*), atravessarem a linha do Equador para se consultarem com João de Deus na minúscula Abadiânia em Goiás? RESULTADOS, óbvio ! Mas, dirão os céticos que x% das pessoas que ali estiveram não se curaram. É verdade, tanto quanto a quimioterapia, infelizmente, não livra da morte milhares de pessoas e isto não significa que ela não sirva. O que a ciência não comprova, não significa que tudo seja falso, mas que em alguns casos, o “homem cientista” AINDA , não entendeu o por que do funcionamento . Nada mais do que isto.

Seguindo na mesma linha de raciocínio, questiona-se se a mediunidade é um atributo físico, inerente ao ser humano? Óbvio que sim ! Como seria possível Chico Xavier, que trabalhava no Ministério da Agricultura no interior de Minas Gerais, e atendia diariamente centenas de pessoas todas as noites, ter escrito mais de 400 livros ? Sejamos pragmáticos … escreva um livro …, unzinho só e veja quanto tempo demora. Tente agora 400 vezes. Avalie quantas horas serão necessárias e divida pelo tempo de vida necessário para esta tarefa. Detalhe: para alguém que só tem o primário de uma escola pública dos rincões de Minas Gerais. Portanto são obras escritas numa velocidade rítmica da mão humana, incompatível com a resposta cerebral e suas sinapses. Isto é um fato, onde cada atribua o nome e a procedência que melhor lhe aprouver.

Desta forma, o mundo felizmente caminha para o “olhar diverso”, onde a verdade está relacionada àquilo que toca no coração das pessoas. Os psicanalistas de hoje, ou seja cientistas, já utilizam numerologia e florais  junto a seus pacientes. Isto também é fato. Seriam tolos ou embusteiros ? Ou teriam obtidos resultados práticos?

O Dr. Sérgio Felipe Oliveira da USP , estuda a glândula pineal e seus efeitos na sincronicidade da vida e da morte. Morte aliás,  vida após ela e  Espiritualidade que são temas  da ciência, que busca ainda entender o intercâmbio entre o mundo espiritual e o mundo material. E nas universidades mais importantes do mundo, existem  pesquisas sobre espiritualidade e vida após a morte. Em Harvard com Dr. Herbert Benson no  The Mind Body Institute Hospital, que estuda espiritualidade e também na George Washington University. Na Columbia University de Nova Iorque com um departamento de psicologia que só estuda espiritualidade.

Enfim, portanto cabe ao ser humano, cientista ou não, substituir o ceticismo pelo pragmatismo e agregar um olhar da diversidade para implementar novas ferramentas à sua vida, que certamente resultarão em bem estar e melhor compreensão, inclusive dos momentos menos felizes,  da existência de cada um.

Isto é diversidade.

Autor: Roberto Mangraviti

(*)  Oprah Winfrey , apresentadora e empresária norte-americana, eleita a mulher mais influente do mundo e Paul Simon, premiadíssimo  cantor e compositor com  12 Grammy’s

(**) João Teixeira de Faria, no Brasil mais conhecido como João de Deus ou João de Abadiânia e em outros países como John of God, é um médium, filantropo e fazendeiro brasileiro.

Clique para adicionar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos

Economista e Facility Manager em Sustentabilidade. Editor, diretor e apresentador do Programa Sustentahabilidade pela WEBTV. Palestrante, Moderador de Seminários Internacionais de Eficiência Energética, Consultor da ADASP- Associação dos Distribuidores e Atacadistas do Estado de São Paulo e colunista do site do Instituto de Engenharia de São Paulo.

Mais em Artigos

Queimadas 2017

Queimadas 2017

Roberto Mangraviti18 de fevereiro de 2018
Upp's no Rio de Janeiro

As UPP’S do Rio de Janeiro… uma farsa para “ inglês ver”.

Roberto Mangraviti17 de fevereiro de 2018
Energia de gás natural e biomassa

Energia de gás natural e biomassa

Bel Gimenez16 de fevereiro de 2018
Humburger

Alimentos feitos de insetos, uma realidade de mercado.

Roberto Mangraviti14 de fevereiro de 2018
A Mordida da Centopéia

A mordida da centopéia

Karen P Castillioni13 de fevereiro de 2018
Nicolas Maduro

E agora José ?

Roberto Mangraviti12 de fevereiro de 2018
Empório Mata Atlântica

Empório Mata Atlântica com picolés de Uvaia e Juçara.

Bel Gimenez11 de fevereiro de 2018
Plásticos no Mar

Como o plástico está prejudicando recifes de corais?

Karen P Castillioni9 de fevereiro de 2018
O capital

Melhora ou estagnação?

Ricardo Rose8 de fevereiro de 2018

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Sustentahabilidade - Todos os direitos reservados.
Os artigos publicados neste Portal, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. Para mais informações: contato@sustentahabilidade.com

Outros emails específicos: classificados@sustentahabilidade.com dependenciaquimica@sustentahabilidade.com

Translate »