Artigos

Outubro Rosa Pet

Outubro Rosa Pet

Todos nós conhecemos ou pelo menos já ouvimos falar do famoso outubro rosa, uma campanha que tem como grande objetivo a conscientização e prevenção do câncer de mama em mulheres. Aproveitando esta iniciativa incrível nós, médicos veterinários, aderimos ao movimento e lançamos a campanha outubro rosa pet.

Assim como na original a versão pet visa fornecer informações sobre prevenção e tratamento do câncer de mama em cadelas e gatas.

Muitas pessoas não sabem, mas do mesmo modo que o câncer acomete o ser humano, esta doença também invade as células dos nossos pets. Desta forma as neoplasias mamárias, especialmente em cadelas, são tão semelhantes as situações enfrentadas pelo ser humano, existindo vários estudos relevantes onde utiliza-se as fêmeas como modelo.

Assim como no ser humano, a maior incidência do câncer mamário, é constatada do gênero feminino.

Como podemos evitar?

Sabe-se que esse tipo de tumor tem grande envolvimento hormonal, assim sendo, a castração precoce (antes do primeiro cio ou logo após o primeiro cio) é uma das medidas mais eficazes para prevenção.

Principalmente nas raças predispostas como fêmeas poodle e gatas siamesas. Outra maneira de prevenir é não utilizar anticoncepcionais em fêmeas de maneira alguma! Essas drogas causam diversos danos o organismo dos nossos pets, como infecções de útero, aplasia de medula óssea e aumento da prevalência do tumor de mama.

Como descobrir se minha fêmea tem câncer? E como tratar?

Assim como nas mulheres o diagnóstico precoce faz toda a diferença no tratamento. Se você tem uma cadelinha\gatinha idosa ( mais de 8 anos ) saiba que elas precisam visitar o veterinário pelo menos duas vezes ao ano. Essa vista tem várias finalidades, entre elas o exame físico de palpação das mamas. Se for encontrado algum nódulo é preciso realizar exames para saber o diagnóstico preciso, entre eles esta a famosa e conhecida biópsia. Só através dela é possível saber se a neoplasia é benigna ou maligna e assim direcionar o melhor tratamento.

Neoplasias benignas requerem apenas cirurgia, já as malignas são mais complexas e necessitam de cirurgia de cadeia mamária, castração e eventualmente quimioterapia.

A luta contra o câncer não é fácil para nenhuma espécie, e fica ainda pior quando nossos pacientes não expressam em palavras as alterações e dores que sentem.

Nós somos a voz do nosso pet! Por isso vamos retribuir o amor incondicional que recebemos deles com esse cuidado extra! Quem ama previne!

Autora: Fernanda Lanzelotti
contato@sustentahabilidade.com

Clique para adicionar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Artigos

Médica Veterinária graduada na Unesp - Botucatu. Pós-Graduada em Acupuntura Veterinária e em clínica médica e cirúrgica de Felinos. Os atendimentos são realizados no cunsultório da Clínica Veterinária Spécialité -Uberlândia -Mg

Mais em Artigos

Risco Ambiental na Gestão de Resíduos Sólidos

Risco Ambiental na Gestão de Resíduos Sólidos

Roberto Roche12 de dezembro de 2017
São Paulo

Cidade de São Paulo – TODOS são “fumantes”.

Roberto Mangraviti9 de dezembro de 2017
Leite e Qualidade

Leite: qualidade, processamento e as nomenclaturas comerciais.

Convidado8 de dezembro de 2017
Pré-História

Homem … 45 mil anos de impacto ambiental

Ricardo Rose7 de dezembro de 2017
Gestão Ambiental

Gestão Ambiental portuária, Ônus ou Oportunidade?

Roberto Roche5 de dezembro de 2017
equipes

Equipes de Crise Corporativa

Roberto Mangraviti2 de dezembro de 2017
Energia Aeólica

A Cidade de Saerbeck planejou e realizou o futuro.

Roberto Mangraviti1 de dezembro de 2017
Demitir Clientes

Momento(s) de “demitir” um cliente !

Roberto Mangraviti30 de novembro de 2017

A revolução das impressoras 3D: Impressão de pontes de aço

Cristian Reis Westphal29 de novembro de 2017

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Sustentahabilidade - Todos os direitos reservados.
Os artigos publicados neste Portal, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. Para mais informações: contato@sustentahabilidade.com

Outros emails específicos: classificados@sustentahabilidade.com dependenciaquimica@sustentahabilidade.com

Translate »