Artigos

Para onde vai o lixo jogado nas ruas?

Para onde vai o lixo jogado nas ruas?

Para onde vai o lixo jogado nas ruas? Para a água!

Aqueles “lixinhos” que não alcançam as lixeiras (…atirados nas sarjetas, mirados nas grelhas dos bueiros, arremessados pelas janelas dos carros) como papéis de balas, saquinhos plásticos, bitucas de cigarros e chicletes, ou mesmo o lixo depositado em locais inadequados (como terrenos baldios e à céu aberto), além de sujarem as ruas terminam, mesmo que em pequenos pedaços, em lagos, rios e mares.

Esses lixos e outros objetos quando jogados nas ruas são carregados pelo vento e pelas chuvas para os bueiros (bocas-de-lobo) que levam às galerias de água. As galerias de água são sistemas de dutos subterrâneos que levam a água da drenagem urbana para o corpo d’água (lago, rio ou mar) mais próximo. Essa água de drenagem das cidades não passa por tratamento (como tratamento de esgoto), por isso que não podem ser lançadas nas ruas as águas servidas (águas rejeitadas depois de variadas utilizações – esgoto e despejos domésticos), pois desta forma estariam poluindo os corpos d’água.

Porém, o lixo jogado nas ruas é um poluente indireto dos corpos d’água, causando contaminação da água por causa de resíduos tóxicos, poluição da areia das praias, mangues e matas ciliares, e morte de animais aquáticos (como peixes, tubarões, tartarugas e aves aquáticas) que se prendem ao lixo e confundem os fragmentos com alimento, morrendo por asfixia e inanição.

Além disso, o lixo jogado nas ruas é a principal causa de alagamento e enchentes nas cidades, pois entope os bueiros e as galerias de água, reduzindo a vazão e dificultando o escoamento da água de drenagem, e fazendo com que a água transborde e retorne para as vias públicas.

Agora sabendo que o destino final do lixo jogado nas ruas é a água, também não é lá que magicamente ele “desaparece” na natureza. Cada resíduo tem um tempo de decomposição. Mesmo que em contado com a água e se fragmentando, o lixo vai levar muito tempo para sua decomposição (processo de biodegradação, transformação da matéria orgânica e apodrecimento). Por exemplo, a bituca de cigarro que é o lixo mais encontrado nos cursos d’água demora 5 anos para se decompor e ainda libera mais de 4 mil substâncias tóxicas no meio ambiente. Já os plásticos demoram mais de 100 anos para se decompor e são os principais resíduos prejudiciais aos animais e poluidores dos oceanos.

decomposição de materiais

O lixo jogado nas ruas evidencia a falta de conscientização da população em relação ao papel de cada indivíduo na construção e organização do espaço urbano e na conservação do meio ambiente.  Jogue seu lixo nas lixeiras e separe seus resíduos (orgânicos e recicláveis) para que eles possam ser coletados e destinados para aterros sanitários, usinas de compostagem, incineradores ou reciclagem.

 

Referências:

Anderson Rafael Nascimento. A compreensão da cidade e o lixo. Universidade Metodista de São Paulo. <http://portal.metodista.br/gestaodecidades/publicacoes/artigos/a-compreensao-da-cidade-e-o-lixo>

CONAMA – Conselho Nacional de Meio Ambiente. Resolução n0 430 de 13 de maio de 2011.

PLANETA SUSTENTÁVEL. 2014. Manual de Etiqueta: 13 coisas que você não sabia sobre a água e porque é importante cuidar bem dela. Editora Abril.

PLANETA SUSTENTÁVEL. 2007. Como ajudar a reduzir alagamentos e enchentes? <http://planetasustentavel.abril.com.br/noticia/atitude/conteudo_260146.shtml>

Imagens: http://bagefuturo.blogspot.com.br/   ,  http://milenar.org

Autora: Laís Nunes
contato@sustentahabilidade.com

 

 

 

Clique para adicionar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Artigos

Bióloga e pedagoga com mestrado em Biologia Vegetal (UNESP Rio Claro). Tem interesse nas áreas de ecologia, ecossistemas aquáticos, educação ambiental e sustentabilidade.

Mais em Artigos

Matriz Energética

Produção de Eólica, segue crescendo no Brasil.

Roberto Mangraviti23 de outubro de 2017
Madre Tereza

“Gente do Contra “

Roberto Mangraviti22 de outubro de 2017
Varejo

Varejo crescerá 1,4% em 2017.

Roberto Mangraviti21 de outubro de 2017
Boni

Boni-65 anos de brilhante trajetória televisiva

Fabio Rejaili Siqueira20 de outubro de 2017
Riso

A origem do riso

Convidado18 de outubro de 2017
acidente ambiental

Complacência MATA!

Roberto Roche17 de outubro de 2017

Desperdício “Zero” … cultura Mottainai do Japão.

Tiemi Yamashita13 de outubro de 2017

O quão grande pode se tornar um tsunami?

Cristian Reis Westphal12 de outubro de 2017
Meio Ambiente

A Importância da Conformidade Ambiental da Indústria

Roberto Roche10 de outubro de 2017

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Sustentahabilidade - Todos os direitos reservados.
Os artigos publicados neste Portal, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. Para mais informações: contato@sustentahabilidade.com

Outros emails específicos: classificados@sustentahabilidade.com dependenciaquimica@sustentahabilidade.com

Translate »