Artigos

Teixeira Heizer –Pioneirismo e Polivalência

Teixeira Heizer –Pioneirismo e Polivalência

O ano passado foi marcado por uma triste noticia nos meios jornalísticos e televisivos. No dia 03 de maio ,faleceu o jornalista, professor e comentarista esportivo Teixeira Heizer, na Cidade do Rio de Janeiro.

Hithler Teixeira Heizer, nasceu em 16 de dezembro de 1932, na “Cidade Maravlhosa” , pertencendo a uma geração brilhante de jornalistas esportivos que muito construíram a História do Rádio e da Televisão no Brasil. Observa-se que no mesmo olímpico ano de 1932 também nasceram Orlando Duarte, Léo Batista, Cláudio Carsughi, Sergio Noronha e Fernando Solera , que com brilho e competência registram seus nomes na História da Radiodifusão.

E Teixeira Heizer, concomitante a conclusão de seu Curso de Direito na Faculdade de Direito de Niterói, a mesma onde se formaram Manoel de Nóbrega e Arrelia, ingressava no jornalismo, primeiramente no impresso, no Correio Fluminense niteroiense e, logo depois, estreando na mítica Radio Continental do Rio de Janeiro, onde trabalhou ao lado de mestres como Waldir Amaral e Carlos Marcondes.

Em 1959, com a inauguração da TV Continental, a terceira da Capital carioca, Heizer é um dos fundadores desta nova emissora de TV, passando a compor a Equipe Esportiva pioneira do canal 9 guanabarino. .Em 1962 ingressa na Editora Rio Gráfica, onde assume a Secretaria de redação das revistas de propriedade do Dr Roberto Marinho, passando a escrever para importantes publicações da época como a Radiolândia (revista de Radio e TV) e a Cinelândia (revista de Cinema) .Nessa mesma época é contratado também para a Equipe Esportiva da Rádio Globo, onde participa de marcantes coberturas de Olimpíada, Jogos Panamericanos e Copa do Mundo.

Em 1964, com a perspectiva crescente da inauguração de um novo canal de TV no Rio de Janeiro, a TV Globo, canal 4, o processo de organização desta nova mídia televisiva se iniciara e Teixeira Heizer se destacando nas revistas da Rio Gráfica, no Jornal O Globo e na Radio Globo , naturalmente foi logo lembrado para se integrar na Equipe inicial da futura Rede Globo de Televisão. E desta forma se deu o fato de Teixeira ter sido o crachá de número 01 TV Globo, formando o grupo pioneiro ao lado de grandes nomes da TV, como Haroldo Costa, Oswaldo Waddigton, Graça Mello, Wilson Rocha, Moyses Weltman, Domingos de Oliveira, Rubens Amaral, Gláucio Gil, dentre muitos outros valores artísticos.

E já inaugurada, em 26 de abril de 1965, a TV Globo pode colocar no ar a suas primeiras transmissões esportivas, já dirigidas por Teixeira Heizer, com a exibição da primeira partida da Seleção Brasileira de Futebol exibida pela Globo, em 21 de novembro daquele ano. Também Heizer dirigiu, produziu e participou dos primeiros programas esportivos da Globo,como Por Dentro da Jogada e Em Cima do Lance e tendo ao seu lado o notável comentarista esportivo Luis Alberto, seu colega desde os tempos da TV Continental. E no Tele Globo, um dos primeiros telejornais da emissora, era o colunista de Esportes, dividindo a bancada jornalística com nomes importantes como Hilton Gomes e Nathália Thimberg

E nesses sessenta e dois anos de carreira Teixeira Heizer também trabalhou outros importantes veículos, como O Estado de São Paulo, O Dia, TV Excelsior, Radio Nacional, Diário de Noticias, Ultima Hora, TV Tupi e mais recentemente no canal a cabo SPORTV . Foi professor de jornalismo da Gama Filho e da Helio Alonso e escreveu cinco livros, o mais recente lançado um mês antes de seu falecimento, intitulado “ A Outra História de Cada Um”, verdadeiro testamento memorial, onde com carinho recorda e documenta perfis de vida e de arte de grandes nomes como Maysa, Leila Diniz, Yoná Magalhães e muitos outros memoráveis.

Teixeira Heizer partiu para a Eternidade aos 83 anos, mas seu legado de pioneirismo, competência profissional, generosidade e polivalência ainda influenciara sobremaneira a História da Televisão , do Rádio e da Imprensa Brasileira.

 Texto: Fábio Rajaili Siqueira
contato@sustentahabilidade.com

Clique para adicionar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Artigos

Bacharel em Direito, Bacharel em Ciências Sociais e e pesquisador da história da televisão brasileira. É um dos fundadores do Jornal São Paulo em História.

Mais em Artigos

Plantas ouvem

As Plantas Ouvem

Roberto Mangraviti20 de agosto de 2017
Mercado de Trabalho

Os jovens e suas escolhas profissionais. Um mundo repleto de descontentamento.

Camila Gagliardi19 de agosto de 2017
Árvores Urbanas

Aplicativo para monitoramento de árvores urbanas

Laís Nunes17 de agosto de 2017
ração para cachorro

Dicas de como cuidar das rações dos pets

Fernanda Lanzelotti15 de agosto de 2017
Sistema de Gestão

A Importância do Sistema de Gestão Integrada nas Indústrias de Óleo, Gás e Energia

Roberto Roche15 de agosto de 2017
Lições para o Brasil P&D

P&D no Mundo .

Roberto Mangraviti13 de agosto de 2017
Bem estar

Bem estar dos funcionários em empresas de sucesso

Roberto Mangraviti12 de agosto de 2017
lu oliveira

Acontece em São Paulo

Bel Gimenez11 de agosto de 2017
EUA

Nos EUA, empresas salvam Acordo do Clima cancelado por Trump

Ricardo Rose10 de agosto de 2017

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Sustentahabilidade - Todos os direitos reservados.
Os artigos publicados neste Portal, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. Para mais informações: contato@sustentahabilidade.com

Outros emails específicos: classificados@sustentahabilidade.com dependenciaquimica@sustentahabilidade.com

Translate »