Artigos

Termelétrica em Peruíbe?

Termelétrica em Peruíbe?

Uma manifestação contra a construção de uma termelétrica, ocorrerá no próximo dia 25 de março, em Peruíbe, cidade “escolhida” para abrigar tal insanidade.

A linda cidade litorânea, que fica no Sul do Estado de São Paulo, ainda mantém uma exuberante mata nativa e tribos indígenas vivendo na região, que justamente recebe o nome de Peruíbe, que na língua tupi significa “rio dos tubarões”.

Cabe agora a pergunta, que tipo de “tubarões” a região abriga hoje?

Pois construir uma termelétrica em pleno século XXI, quando outras fontes de energia não poluentes avançam em todo mundo, pode ainda significar “planejamento” energético a construção de uma termelétrica?

Como se isto não bastasse, a usina terá impacto sobre áreas de proteção de florestas e áreas indígenas, com risco para a atividade turística, sustento da região.
Ademais a contribuição na geração de empregos é insignificante, já que a construção será feita por empresas especializadas, que já dispõem dos próprios operários, e quando em funcionamento, será em grande parte automatizada.

Conforme o site G1 “A expectativa dos empresários da Gastrading Comercializadora de Energia S.A, empresa interessada na construção, é que a ‘Usina Termelétrica Atlântico Energias’ – UTE seja instalada no entorno do Jardim São Francisco e Caraminguava e tenha capacidade de 1,7 GW para fornecer energia para as nove cidades da Baixada Santista.

Segundo dados do IBGE, a região possui atualmente 1.781.620 moradores.

O diretor da construtora, Paulo Guardado, afirmou, “a termelétrica vai ocupar 30 hectares, sem uma retro área grande e que o terminal offshore ficaria distante 10 km costa e praticamente invisível. Provavelmente nem vai se ver da praia, muito menos haverá interferência na praia, já que não haverá ponte ou píer, apenas um gasoduto que passa por baixo da praia e não vai aparecer. É similar ao que existe em Praia Grande. Tem gasoduto lá e ninguém sabe porque ninguém vê. Se faz com um furo direcional com um impacto pequeno durante a obra, depois você recompõe, ou seja, não atrapalha a população”, garante o executivo.

Portanto, no próximo dia 25 de março às 17 horas, a manifestação partirá da Estação Rodoviária, na praça ao lado do estacionamento do supermercado Baba, seguindo pelas avenidas, 24 de dezembro, São João, Peruíbe , Padre Anchieta até a Igreja Matriz.

Participe desta atividade cívica! Não deixe que outros decidam sobre aquilo que também é seu!

Texto: Roberto Mangraviti
contato@sustentahabilidade.com

Parecer Tecnico

Clique para adicionar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Artigos

Economista e Facility Manager em Sustentabilidade. Editor, diretor e apresentador do Programa Sustentahabilidade.com pela WEBTV. Consultor da ADASP- Associação dos Distribuidores e Atacadistas do Estado de São Paulo e colunista do site do Instituto de Engenharia de São Paulo.

Mais em Artigos

Risco Ambiental na Gestão de Resíduos Sólidos

Risco Ambiental na Gestão de Resíduos Sólidos

Roberto Roche12 de dezembro de 2017
São Paulo

Cidade de São Paulo – TODOS são “fumantes”.

Roberto Mangraviti9 de dezembro de 2017
Leite e Qualidade

Leite: qualidade, processamento e as nomenclaturas comerciais.

Convidado8 de dezembro de 2017
Pré-História

Homem … 45 mil anos de impacto ambiental

Ricardo Rose7 de dezembro de 2017
Gestão Ambiental

Gestão Ambiental portuária, Ônus ou Oportunidade?

Roberto Roche5 de dezembro de 2017
equipes

Equipes de Crise Corporativa

Roberto Mangraviti2 de dezembro de 2017
Energia Aeólica

A Cidade de Saerbeck planejou e realizou o futuro.

Roberto Mangraviti1 de dezembro de 2017
Demitir Clientes

Momento(s) de “demitir” um cliente !

Roberto Mangraviti30 de novembro de 2017

A revolução das impressoras 3D: Impressão de pontes de aço

Cristian Reis Westphal29 de novembro de 2017

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Sustentahabilidade - Todos os direitos reservados.
Os artigos publicados neste Portal, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. Para mais informações: contato@sustentahabilidade.com

Outros emails específicos: classificados@sustentahabilidade.com dependenciaquimica@sustentahabilidade.com

Translate »