Artigos

Testes em animais … um grande desafio para o consumidor

Testes em animais … um grande desafio para o consumidor

É muito comum as pessoas, através das redes sociais, postarem fotos de quem já violentou um animal. Mas o mundo “civilizado”, da qual todos fazemos parte, consome em toneladas gigantescas, cosméticos que violentam de forma absurda estes mesmos animais. Isto para não falarmos das aves e outros animais que são criados para um abate, nada cuidadoso.

Estamos portanto diante de um dilema neste novo século, pois dificilmente poderemos dispensar o consumo de proteínas em nossa dieta, mas estamos criticando ferozmente a violência contra animais domésticos ou das ruas.

Estamos preparados para pagar um preço adicional nas carnes por conta de um abate humanitário (*) ?

Na questão do consumo de cosméticos, o dilema talvez seja maior, pois para o desenvolvimento de produtos sem a utilização de animais como “teste”, é muito mais complexo e dispendioso. Conforme o site da Exame que avaliou as questões dos testes de cosméticos em animais, técnicos da área informam “Em vez de medir quanto tempo leva um produto químico para queimar a córnea do olho de um coelho, os fabricantes podem agora testar esse produto químico em estruturas de tecido 3D semelhantes à córnea produzidos a partir de células humanas.

Troca-se, assim, a desumana técnica “in vivo” por outras que não afligem nenhum animal.”. Em vista do exposto, estaria portanto, este mesmo consumidor, guardião (felizmente) dos animais domésticos, disposto a avaliar a procedência do produto que consome? E pagar um “over price” que certamente ocorrerá pela utilização destas novas tecnologias ?

Com a palavra o consumidor …

Autor: Roberto Mangraviti
contato@sustentahabilidade.com

(*) Expressão que significa um conjunto de procedimentos que garantem o bem-estar dos animais que serão abatidos, desde o embarque na propriedade rural até a operação de sangria no matadouro-frigorífico.

Clique para adicionar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Artigos

Economista e Facility Manager em Sustentabilidade. Editor, diretor e apresentador do Programa Sustentahabilidade.com pela WEBTV. Consultor da ADASP- Associação dos Distribuidores e Atacadistas do Estado de São Paulo e colunista do site do Instituto de Engenharia de São Paulo.

Mais em Artigos

São Paulo

Cidade de São Paulo – TODOS são “fumantes”.

Roberto Mangraviti9 de dezembro de 2017
Leite e Qualidade

Leite: qualidade, processamento e as nomenclaturas comerciais.

Convidado8 de dezembro de 2017
Pré-História

Homem … 45 mil anos de impacto ambiental

Ricardo Rose7 de dezembro de 2017
Gestão Ambiental

Gestão Ambiental portuária, Ônus ou Oportunidade?

Roberto Roche5 de dezembro de 2017
equipes

Equipes de Crise Corporativa

Roberto Mangraviti2 de dezembro de 2017
Energia Aeólica

A Cidade de Saerbeck planejou e realizou o futuro.

Roberto Mangraviti1 de dezembro de 2017
Demitir Clientes

Momento(s) de “demitir” um cliente !

Roberto Mangraviti30 de novembro de 2017

A revolução das impressoras 3D: Impressão de pontes de aço

Cristian Reis Westphal29 de novembro de 2017
Gestão Hospitalar

A moderna gestão hospitalar e a questão ambiental.

Roberto Roche27 de novembro de 2017

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Sustentahabilidade - Todos os direitos reservados.
Os artigos publicados neste Portal, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. Para mais informações: contato@sustentahabilidade.com

Outros emails específicos: classificados@sustentahabilidade.com dependenciaquimica@sustentahabilidade.com

Translate »