Artigos

Problemas com a Pressão Arterial e Estresse entenda as funções do Cortisol

Problemas com a Pressão Arterial e Estresse entenda as funções do Cortisol

As glândulas suprarrenais são duas glândulas em forma de pirâmide, com cerca de 3,0 cm de largura, 5,0 cm de altura e 3,0 cm de espessura, situadas na parte superior  de cada  rim. 

O cortisol é um hormônio produzido nessas glândulas com função na redução de inflamações, controle de estresse, regulação do sistema imune, manutenção dos níveis de glicose sérica e da pressão arterial.

Os níveis diários variam de acordo com o ciclo circadiano, aonde no período de 24 horas uma pessoa geralmente dorme aproximadamente 8 horas e ficam acordadas 16 horas. 

Assim, os níveis de cortisol basal no sangue são geralmente maiores pela manhã ao acordar (5 a 23 mcg/dL) e depois vão diminuindo ao longo do dia para 3 a 16 mcg/dL.

O cortisol é transportado na maioria das vezes ligado a uma proteína plasmática carregadora específica chamada de transcortina, mas também pode ser transportado ligado à albumina ou circular em sua forma livre.

Fatores de risco:

  • Estresse de fonte interna.
  • Estresse de fonte externa.
  • Transtornos depressivos.
  • Transtorno de ansiedade.
  • Inaptidão física.
  • Obesidade abdominal.
  • Insônia.
  • Tumor produtor de cortisol.
  • Aumento de tamanho das adrenais.
  • Doenças autoimunes.
  • Doenças infiltrativas da glândula, como a tuberculose ou micoses.

Sinais e sintomas:

Cortisol Alto:

  • Perda de massa muscular.
  • Aumento do peso.
  • Osteoporose.
  • Dificuldade escolar.
  • Baixo crescimento.
  • Diminuição da testosterona.
  • Lapsos de memória.
  • Aumento da ingesta de liquido.
  • Polaciúria.
  • Diminuição da libido.
  • Menstruação irregular.

Cortisol Baixo:

  • Fadiga.
  • Cansaço.
  • Fraqueza.
  • Desejo repentino por doces.
  • Depressão.

O diagnostico é realizado através do histórico, exame físico e principalmente pelo exame de cortisol sanguíneo, urinário ou salivar. Pode ainda ser complementado por imagens, como a tomografia computadorizada ou a ressonância magnética.

SAIBA MAIS:

O cortisol não é armazenado nas glândulas, a liberação é feita de acordo com a necessidade do organismo.

Níveis de cortisol altos ou baixos nem sempre são indicativos de doenças, pois eles podem estar alterados devido ao calor, presença de infecções, insônia, entre outras.

Indivíduos que trabalham à noite esses níveis se invertem.

A prática de atividades físicas regulares auxilia no controle.

Diminua o consumo de cafeína e álcool, principalmente à noite.

Tente dormir 8 horas todas as noites.

Faça dieta equilibrada e saudável.

Aumente o consumo de vitamina C.

O cortisol alto pode causar a chamada Síndrome de Cushing, com o aumento rápido do peso, com acúmulo de gordura na região abdominal, queda de cabelo e pele oleosa.

Quando está baixo e com sintomas de dor abdominal, fraqueza, emagrecimento, manchas na pele e tonturas, principalmente ao levantar, pode indicar que o individuo apresenta a Doença de Addison.

Procure seu médico.

Texto: Dr. Leo Kahn

Imagem: https://cushingsdiseasenews.com/2018/01/05/study-says-tracking-cortisol-after-cushings-surgery-is-good-way-to-predict-remission/

Artigos

Dr.Leo Kahn é médico atuante nas áreas de Endocrinologia e obesidade, foi diretor e coordenador clínico de instituições médicas, palestrante e conferencista internacional. Atua como consultor médico em vários programas de rádio e TV. Coach de Saúde de Performance e atuante em Medicina Preventiva e de Resultados.

Mais em Artigos

Dia da Árvore e o bem estar

Dia da Árvore e o bem estar !

Roberto Mangraviti21 de setembro de 2020
Bioinseticida combatendo a mosca branca na agricultura

Bioinseticida combatendo a mosca branca na agricultura

Roberto Mangraviti7 de setembro de 2020
Unicórnio nacional é destaque no mundo dos negócios ambientais

Unicórnio nacional é destaque no mundo dos negócios ambientais

Roberto Mangraviti8 de agosto de 2020

Energia limpa crescendo em 2020 no Mundo

Roberto Mangraviti3 de agosto de 2020
Novo marco legal do saneamento

Novo marco legal do saneamento

Roberto Mangraviti26 de julho de 2020

Conheça do benefícios das plantas medicinais e aromáticas

Isabel Gimenez20 de julho de 2020

Primeiro pivô de irrigação por energia solar é lançado no Brasil

Roberto Mangraviti13 de julho de 2020

Biosolvit é ganhadora do Virtual South Summit de Sustentabilidade

Roberto Mangraviti28 de junho de 2020

Transações online de gado ganham força durante pandemia

Roberto Mangraviti15 de junho de 2020

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Sustentahabilidade - Todos os direitos reservados.
Os artigos publicados neste Portal, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. Para mais informações: contato@sustentahabilidade.com

Outros emails específicos: classificados@sustentahabilidade.com dependenciaquimica@sustentahabilidade.com